Categoria

Moda

Resumão #SPFW43: O melhor do dia 3

22 de março de 2017 Fashion Week, Moda

Bora pra mais um dia de Fashion Week? 😉

Quem abriu o terceiro dia de evento foi a Giuliana Romanno que, na sua coleção, trouxe muitas referências do guarda-roupa masculino e desconstruiu um clássico do guarda-roupas masculino: o Smoking. Para não perder a feminilidade e ainda sim trazer um toque mais sexy (com classe), a estilista apostou em transparências, recortes estratégicos e amarrações na cintura para valorizar o nosso corpo.

O desfile foi um sucesso: já quero t-o-d-a-s  as peças, ok? <3

O meu desfile preferido do dia tem um toque poético e emotivo: a estilista Isabela Capeto se inspirou no nosso Sertão do Cariri (CE) e apresentou uma coleção cheia de cores, estampas, texturas e muita cultura! Na passarela, as informações de tendência ficaram por conta das maxi jaquetas (aposta fortíssima de todos os estilistas), parkas, oversized, tudo feito artesanalmente.

Na edição passada do SPFW (número 42), entrava uma nova marca no line-up do evento: a MEMO. Uma marca esportiva que inicialmente fez uma parceria com a estilista Lolitta Hannud para assinar a sua coleção e deu tão certo que desta vez, a parceira foi com a Lilly Sarti. Parcerias estas de muita esperteza, já que a moda esportiva anda mais forte do que nunca.

Na passarela, peças com um ar vintage inspiradas em esportes como o Tênis e o Snowboard. Aqui, os ombros ainda estão em evidência, mas deste vez aparecem através de recortes locais. Além disto, rolou muito babado, meias altas e até um estilo de “cinta-liga”.

 

A estréia de Fabiana Milazzo no Fashion Week deu o que falar. Atrás da passarelas, um lindo projeto social comandado por ela: o Mulheres de Renda, onde as bordadeiras são recrutadas para aprender a bordar, enquanto seus filhos podem as acompanhar e têm total aparato, lugar para brincar, aulas de música e futebol. O trabalho manual é uma das principais características da marca, então este projeto faz uma grande diferença na vida destas famílias e também na marca.

Sobre as apostas, Fabiana se inspirou no Brasil para desenvolver a sua coleção: tanto na nossa fauna, nossas paisagens, arquitetura quanto nas pessoas que estão por trás disto tudo e fazem as coisas acontecerem (quem borda, quem costura, etc). Ela se inspirou em cada região do nosso país e tentou agradar a todas as mulheres e seus estilos.

De fato, podemos observar vários estilos desde o casual à moda festa. Além disto, estão presentes peças como os blusões oversized, trench coats, jeans em modelagens super diferentes, muito bordado (e até o próprio jeans que teria sido descartado, ela reaproveitou para bordar em algumas peças).

O estilista Luiz Claudio Silva, por trás a marca Apartamento 03, trouxe à passarela um inverno rico em veludo e bordados. Além disto, a alfaiataria desconstruída e modelagens over contrastadas com peças mais leves chamaram a minha atenção.

Fechando o dia com chave de ouro, a Ellus 2nd Floor trouxe mais uma vez uma coleção inspirada nos quadrinhos, mas desta vez a estrela da festa é a Mulher Maravilha, que se refere ao Emponderamento Feminino, que é um tema super importante e muito discutido nos dias de hoje. Achei o máximo!!

Sobre o closet da Mulher Maravilha, nada de clichês! As peças são super moderninhas e cheias de peças utilitárias resgatadas da Segunda Guerra Mundial, como parkas e macaquinhos. Além disso, muitos mix inusitados e estampas cheias de atitude. As bolsas com o rosto da MM também me chamaram muita atenção. JÁ QUERO!! {acho que essa moda pega rapidinho! hahaha}

 

Veja aqui e aqui o resumão dos 2 primeiros dias! ♥

Look 2 #SPFW43: O dia em que eu saí na Capricho

21 de março de 2017 Fashion Week, Looks, Moda

Amooooor, cê não tá entendendo: EU SAÍ NA CAPRICHOOO! Iupiiii…

Gente, sério, qual adolescente nunca teve esse sonho?  Vou contar a história resumidamente pra vocês:

Estava eu sentada numa mesinha lá no #spfw43 comendo um crepezinho maroto quando uma menina bem fofa toca nas minhas costas e diz: “licença, posso tirar uma foto do seu look?” Eu, prontamente levantei e fui até o local onde elas queriam a foto, quando perguntei: “para onde vai ser?” – E aí eu nem preciso dizer que quando ela falou algo como “para a Capricho, o seu look está a nossa cara!”, foi quando eu tive um ataque de alegria internamente com direito a fogos de artifício (porque por fora a gente finge costume, neh migs? kkkkkk).

E foi assim que eu passei a entrar todos os próximos dias no site deles para ver o post e enfim saiu o primeiro e, pra minha surpresa o segundo! 2x é demais, meu povo! <3

Bom, mas vamos voltar ao assunto look do dia? Que tal? Já tagarelei demais por aqui… Hehe

O pink está com tuuudo nesta estação, podem anotar! Tanto ele quanto as modelagens oversized (grandonas) e as botas brancas. O que eu fiz foi juntar tudo isso em um look só e resultou numa das minhas produções preferidas da vida! <3

Créditos:

Saia e moletom: Zara
Bolsa: Forever 21
Botas: antigonas! 😉 Mas já vi parecida na Zara também!
Meias de poá: Forever 21
Óculos: ALDO
Brincos: Belle Bijou

Resumão #spfw43: o melhor do Day 2

21 de março de 2017 Fashion Week, Moda

O segundo dia do #SPFW43 começou com o estilista Vitorino Campos (que tem a sua própria marca e também é responsável pela Animale)

E neste desfile, temos mais uma prova de que os anos 80 voltaram com tudo. O que mais me chamou atenção foram os looks com estampas xadrez (P&B, amarelo e vermelho), ombros super marcados e meias-calça, todos bem na vibe “As patricinhas de Beverly Hills”.

Outra aposta forte de Vitorino, que deixou a sua alfaiataria (marca registrada do estilista) de lado, foram as peças em Nylon, trazendo uma pegada bem street, como as Parkas e os Sleep Dresses.

A próxima a desfilar foi uma estreante: a marca Sissa, de Alessandra Affonso Ferreira, ex-Isolda, que recebeu os convidados em seu ateliê (acho mara!) e mostrou, durante o desfile, com funciona o seu processo criativo através da decoração com direito a mostra dos seus maquinários, linhas, retalhos, croquis e até a mesa que a própria estilista usa para fazer as suas aquarelas.
Ps: Alessandra pinta a mão todas as suas estampas e estas foram inspiradas nos seus álbuns de família.

Adorooo desfile que dá o que falar e este é sempre o caso da Ellus. Desta vez, foi algo ainda mais especial: a marca estava completando os seus 45 anos e trouxe para o casting as top hypadas Mariana Weickert, Carol Ribeiro, Carol Trentini e Luciana Curtis.

Sobre a coleção, a marca resgatou ícones de sua história de forma repaginada, como as jaquetas de couro, coturnos e os jeans e episódios como o cachorrinho da raça Doberman que entrou na passarela deste fashion week, sendo o mesmo que fotografou para uma antiga campanha. Também é o caso dos modelos que entraram com o mesmo look e busto à mostra, revivendo a rebeldia dos anos 90 e levantando a questão dos gêneros, hoje muito comuns, mas que já tiveram o seu momento na Ellus a um tempo atrás.

O desfile da Lolitta foi o que eu mais estava ansiosa para assistir, afinal era o meu primeiro desta marca que tanto amo! <3 Lolitta Hannud, a estilista da marca, se inspirou na Commedia Dell’arteforma de teatro popular que surgiu no século 15 na Itália, onde os atores usam figurinos coloridos, com padronagens geométricas e seguem um roteiro simples, sempre incentivados a improvisar e interagir com o público.

Sobre as tendências, senti uma grande presença do xadrez e estampas geométricas, tons terrosos, mangas bufantes, lurex, comprimento midi e meias altas. Todos muito elegantes!

PS: um olhar especial para os sapatinhos “mule“, que estavam presentes em todos os looks e algum deles até com as próprias padronagens dos looks. 

A grife mineira GIG Couture é conhecida pelo seu trabalho em tricô, que traz referências das décadas de 60 e 70 misturadas ao estilo contemporâneo através dos shapes street. Neste desfile, rolou muito brilho através do fio de lurex, presente em tecidos plissados, brocados, animal print, camuflados, geométrico e modelagens oversized, ombros marcados, mangas bufantes, corselet, babadinhos, etc.

Aqui está mais uma estreante desta semana de moda: a Two Denim. Não preciso nem falar que o material-chave da marca, neh? 😉 Comandada pelos estilistas Flávia Rotondo e Alexandre Manetti, a 2DNM apresentou uma coleção inspirada no Peru e isto explica a aparição dos ponchos e várias camadas de sobreposição, além disto, muita camisaria trazendo um toque bem contemporâneo. Na paleta de cores: tons clarinhos como nude, bege, branco e o próprio jeans clarinho sem lavagem.

SE É PRA TOMBAR, TOMBEI! (haha)

É isto que eu penso a cada vez que lembro do desfile da PatBO, a segunda marca da estilista queridinha das finas e fofas Patrícia Bonaldi. Desta vez, tivemos uma supresa: os looks estão super street! Ela, que sempre manteve forte a sua identidade artesanal e bem feminina, trouxe desta vez uma pegada muito mais urbana e despojada, após uma temporada em Los Angeles. Ela se inspirou em manifestações artísticas, música, estilo urbano e o sportwear.

Mas, segundo uma entrevista do site FFW, Patrícia disse que não tem a mínima intenção de deixar a sua essência de lado, então as correntes que remetem as correntes do hip hop foram trançadas à mão e ainda continuam os aspectos ricos e luxuosos como os bordados e acabamentos impecáveis das peças. “Fazemos do nosso jeito, é a nossa maneira de falar sobre este universo”, afirma Patrícia Bonaldi.

Também rolou uma coleção pocket de moletons feitos em parceria com a it Helena Bordon, que também desfilou.

Sobre as tendências, temos: muito veludo, bordados tradicionais da marca, bombers de diversos materiais (inclusive de tela), transparência e metalizado. Sem falar nos bonés estilizados com o próprio veludo e também bordados.

 

Veja aqui o resumão do primeiro dia! ♥

Look 1 #SPFW: College Mood

15 de março de 2017 Fashion Week, Looks, Moda

Para o primeiro dia, escolhi um vestidinho xadrez, que é uma grande aposta da estação e marquei a cintura com esse cinto de tecido que mais parece um corset (ainda tou em dúvida de como vou chama-lo! haha) para trazer feminilidade, além de ser outra grande tendência. Daí misturei com a botinha + meia e achei que o visual ficou bem college. Amei o resultado! Haha

Créditos:
Vestido: Zara
Cinto: Zara
Bota: Zara
Meias: Forever 21
Bolsa: Primark

Bem fast fashion and baratinho! Haha